26/09/2016 00:00 0

Hospital Regional Unimed recebe primeiro implante de oclusão do apêndice atrial do Ceará

Com profissionais de notoriedade e uma estrutura sublime, o Hospital Regional Unimed (HRU) foi palco do primeiro implante de oclusão do apêndice atrial realizado no Ceará. O médico eletrofisiologista, Dr. Almino Rocha, e o coordenador do registro nacional do procedimento, Dr. Ênio Guerios, foram responsáveis pelo feito, que aconteceu na tarde do dia 22 de setembro e foi, segundo o Dr. Almino, um “sucesso”.

O procedimento

O procedimento consiste na implantação de um dispositivo metálico no paciente. Esse dispositivo oclui uma parte do coração onde costuma se originar os coágulos que são transportados para a cabeça e que causam o AVC.

“Fizemos um estudo anatômico da paciente para saber se era compatível, e era; então esperamos resolver o problema dela”, disse o Dr. Ênio Guerios. A paciente em questão era a dona de casa Eufrásia Rodrigues, de 75 anos. Ela teve alta no outro dia e disse estar confiante de ter saído de lá “curada”.

“O procedimento foi um sucesso, deu tudo certo e ela recebeu alta já no outro dia”, falou contente, o Dr. Almino Rocha. Contento também do coordenador da hemodinâmica do Hospital Regional Unimed, Dr. Aloísio Cruz, que disse o porquê do HRU ter sido pioneiro no procedimento: “somos um hospital de ponta”.

 

Fonte:

Unimed Fortaleza

 

 


Simulador de Plano Individual